FAÇA UM SIMPLES PROGRAMADOR DE PIC (MICROCHIP)

0

Para se programar um microcontrolador da serie PIC da Microchip , não se precisa de muita coisa. Com alguns resistores e diodos, mais 1 transistor , obtemos um simples , porém, excelente hardware para programar.
Ele será ligado a porta serial do PC e necessitará de uma fonte externa de 13 volts (que poderá alimentar o circuito a ser programado). Para usa-lo , deverá baixar um software de programação como por ex. o ‘WIN PIC 800‘ OU ‘IC_PROG‘. Ajuste as configurações para ‘Jdm-Programmer’ e inverter ‘Vpp’. Dependendo do software escolhido, talvez precise instalar algum software adicional para liberar as portas (bloqueadas por segurança pelo Windows), como por ex. ‘UserPort‘.
Segue abaixo o esquema que eu tenho usado para programar pic’s. Inclui uma chave tripla, que desconecta o programador do projeto alvo, sem precisar desligar fios. Isto facilita muito a vida do desenvolvedor.
Para usar este programador, poderá usar um protoboard para facilitar. As ligações serão feitas com fios finos usados em ligação de telefone. Pegue o datasheeet do pic a programar e localize os pinos de alimentação de +5 volts (VDD) e gnd (VSS). Ligue com pedaços de fios, o VCC e o gnd neles, de maneira que seja alimentado quando ligar o circuito. Depois, localize o pino VPP/MCRL e ligue o fio do programador chamado de VPP. Agora localize o pino ICSPDAT e ligue o fio PGD do programador. E por último, localize o pino ICSPCLK, ligando nele o fio PGC do programador.
Conecte o cabo da serial e alimente o circuito. Rode o WinPIc800 no PC. Configure para JDM Programmer, VPP invertido e abra o arquivo hex a ser gravado. Dê o comando de ‘Programar tudo’ na aba ‘chip’.

Segue o desenho da placa:

Segue o desenho da placa com os componentes (Atenção!!! Visto pelo lado cobreado)

Temos uma versão do ‘simples programador de pic’ com aperfeiçoamentos, para quando usamos em uma situação especial: quando configuramos o pino ‘MCLR’ como entrada.
Após programarmos um pic com esta configuração (NOMCLR em arquivos ‘c’), o programador já não conseguirá ler o pic e nem identifica-lo como presente. Porque? A comunicação com o pic exige um ‘reset’ no sistema de tempos em tempos. Em situação normal, o pino ‘MCLR’ recebe o impulso de reset do hardware programador. Mas se o pino ‘MCLR’ estiver sem a função de reset, o único jeito de resetar o pic será cortando a sua alimentação e religando depois. É justamente isto que a nova versão faz! Através de um par de transistor na versão 2, ou um transistor MOSFET IRF640 na versão 3, podemos cortar a alimentação para o pic no momento do ‘reset’. Com este artifício, poderá ser lido e identificado o pic mesmo se estiver com o pino ‘MCLR’ sendo usado como entrada.
Veja o esquema da versão 2, abaixo:

E abaixo, a versão 3 com IRF640:

Segue abaixo pasta com arquivos PcbExpress, para placa de circuito impresso:

SIMPLES_PROG_V2_3

Até o proximo artigo!!!

0